sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

O Pico e o arrefecimento local - II

Segundo os entendidos, o aumento da concentração de dióxido de carbono poderá interromper algumas correntes oceânicas e arrefecer a temperatura em determinados locais do planeta.
Poderá, assim, trazer verões mais quentes e invernos mais rigorosos.
È o que estamos a presenciar?
Não creio.
Penso que este abaixamento de temperatura não passa, afinal, de uma variação normal que ocorre ciclicamente.
Claro que esta explicação me dá algum alívio, por não estarmos a alterar de forma drástica e definitiva o clima.
Mas também traz-me algum enfado, por não estar a assistir a um acontecimento único.
Ah, como eu desejava que um milhão de anos passasse num segundo.
Como gostaria de assistir à confirmação, ou abandono, das actuais teorias científicas.

2 comentários:

geocrusoe disse...

ah querias que ver isso, testemunhas um day after tomorrow ao vivo, ver se calhar a europa a tremer de frio e a ser inundada de água devido à subida dos oceanos, ver portugal a secar e a fome a grassar... eu preferia ver a humanidade a corrigir dos seus erros e a deixar um futuro melhor para as novas gerações.

Paulo Pereira disse...

Não vou entrar em polémica neste post, pois pretendia ser mais poético que realista.
Mas estou pronto para discutir outros temas. Lá para o fim de semana talvez post qualquer coisa polémica sobre Wegener. Claro que já estás convidado a comentar.