domingo, 1 de março de 2009

Será que é desta que temos campo de golfe no Pico?

Segundo o Ilha Maior, a Assembleia Municipal de Lajes do Pico, aprovou, no passado dia 20 de Fevereiro, a alienação dos terrenos municipais para o empreendimento turístico do campo de golfe do Pico, a ser construído pela empresa açoriana VerdeGolf.

Recorde-se que estes terrenos tinham sido cedidos há vários anos à PicoGolf para construção do campo de golfe, o qual nunca chegou a ser concretizado.

Com uma área total de 100 hectares, a VerdeGolf vai adquirir os terrenos a 0,60 cêntimos por metro quadrado.

Ficou estipulado, que no acto da assinatura do contrato, a VerdeGolf comprometer-se-á a entregar 20 por cento do valor.
A partir de 2010 a empresa irá pagar os restantes 80 por cento por quatro prestações anuais até 2013.

Os deputados municipais também aprovaram a proposta de contrato com a empresa municipal Culturpico para a execução do Passeio Marítimo. Esta obra passa, assim, para a responsabilidade da empresa municipal, estando prevista a sua construção durante o corrente ano.

5 comentários:

artur xavier disse...

Eu cá, estou como S. Tomé. Ver para crer! Ao longo da vida fui-me habituando a ouvir falar de projectos e mais projectos e muitos não passaram das intenções. Não sei porquê mas, para a nossa Ilha, existe sempre uma espécie de maldição, difícil de explicar. Sou um Homem de esperança e, por isso, tenho de acreditar que será desta que teremos campo de golf no Pico.
Lagarto! Lagarto! Lagarto!

Fiat Lux disse...

Proposta à Blogosfera:
Dia "F" para o crime ambiental da Fajã do Calhau

http://fiatluxcarpediem.blogspot.com/2009/03/proposta-blogosfera-dia-f-para-o-crime.html

Capitão Bettencourt disse...

A Sara faz obra e negoceia como nunca, só não vê quem não quer (járeduziu a divida da cãmara e tudo). Até os rapazinhos do PS na Assembleia Municipal achavam que a Câmara deveria pedir menos dinheiro pelos terrenos à verdgolf imaginem! A Câmara fez o propôs o negócio à verdgolf, esta aceitou, e esses rapazinhos achavam que deveria ser mais barato que a câmara deveria voltar atrás e pedir menos dinheiro.
Grandes Gestores...

Jose Augusto Soares disse...

Golfe, sim senhor, mas...não esqueçam os transportes...condição essencial.

artur xavier disse...

Não te preocupes, meu caro Juca, que de Castelo Branco ao Cais de Santa Cruz é só um pulinho de táxi e, depois, mais outro pulinho de barco e, assim, se vão desenvolvendo, harmónicamente, os dois lados do canal!...